Quando se trata de liderança, assim como existem características comuns de grandes líderes, também existem razões pelas quais os líderes falham. Ainda que as regras possam variar ou não funcionem igualmente para todas as empresas e equipes, esses aprendizados são essenciais para culturas focadas em pessoas.

Bons líderes estão em constante desenvolvimento. Por isso, é normal e esperado que cometam alguns erros nessa jornada. A questão é: o que um bom líder faz depois de cometer um erro?

Esse é o grande diferencial de um profissional que está disposto a crescer com o desconforto. Errar é normal quando se trata de pessoas. Mas, para estar em constante evolução, é preciso refletir sobre o erro e aprender com ele

Muitos líderes cometem esses erros mesmo sem perceber. Com visão limitada, acreditam que seus times estão engajados, mas a surpresa vem quando o resultado aparece: pouco ou nenhum avanço.

Pensando nisso, é importante conhecer as 7 razões pelas quais os líderes falham e, através delas, buscar formas de exercer uma liderança mais eficaz.

1) Montar times homogêneos

O primeiro grande erro de um líder é buscar por profissionais semelhantes a ele ou parecidos entre si. Isso acontece com frequência porque é quase instintivo: você encontra um profissional de destaque e quer que seu time tenha muitos outros profissionais como ele.

É claro que um time com pessoas trabalhando em sinergia será mais engajado e produtivo, mas isso não quer dizer que os profissionais têm que ser iguais, muito pelo contrário. Quando uma equipe é formada por vários profissionais com as mesmas habilidades, conhecimentos técnicos e backgrounds, a tendência é que a empresa se mantenha sempre na mesma linha de pensamento e ação

Isso vai contra o que se espera de uma empresa inovadora. Investir em diversidade é extremamente positivo, é uma forma de unir profissionais que podem trazer novas visões de negócio uns para os outros e para a empresa.

2) Achar que tem todas as respostas

Supor que o seu jeito de liderar é o melhor pode ser um tiro no próprio pé. Existem diferentes situações, equipes, projetos e problemas a serem solucionados, como saber que o seu direcionamento é, de fato, o mais adequado?

Uma equipe é formada por pessoas com diferentes experiências. Seu papel como líder é dar abertura a esses profissionais para que estejam sempre sugerindo soluções diversas. Uma das principais razões pelas quais os líderes falham é porque não escutam suas equipes

O bom líder precisa buscar formas de alavancar o time para alcançarem os objetivos juntos. Por isso, ele precisa estar preparado para ouvir críticas construtivas e opiniões diferentes das suas, entendendo que essa é a melhor maneira de evoluir.

3) Reter seu conhecimento

Quando um profissional assume uma posição de liderança, é comum que ele tenha se destacado para chegar até ali. Isso quer dizer que ele tem a capacidade de compartilhar seu conhecimento para ajudar outros profissionais a se destacarem também. 

Um grande erro cometido pelos líderes é se sentirem ameaçados por seus liderados. Um gestor que acredita que pode perder seu cargo para outro membro do time ou que pode perder o liderado para outra empresa certamente não está pronto para assumir um cargo de liderança. 

Um bom líder não pode ter medo de desenvolver sua equipe, ele precisa ter capacidade e vontade de desenvolvê-la. Assim, com um time de alta performance, a empresa como um todo sentirá o impacto de uma gestão de qualidade.

4) Administrar o time à distância

Entre as razões pelas quais os líderes falham, essa é uma das mais comuns. Muitos profissionais enxergam o papel do líder com um olhar arcaico. Por isso, acreditam que uma boa liderança se faz de longe, observando o trabalho à distância sem afetar a relação líder-liderado.

A questão é que, atualmente, uma relação adequada entre gestores e equipes se molda através de diálogo e alinhamento. É essencial que o líder saiba delegar as funções e não se prenda excessivamente às atividades operacionais, mas isso não quer dizer que ele não precisa mais acompanhar os processos de perto.

Saber como está o cumprimento de demandas, entender os processos e manter um canal de comunicação aberto com o seu time são formas de garantir uma evolução constante na equipe e nos resultados.

5) Enxergar os liderados como peças de uma estratégia

Com as demandas aumentando, a empresa crescendo e a equipe cada vez mais numerosa, muitas vezes os líderes esquecem que o grande foco ainda são as pessoas. Enxergar a equipe como uma pequena parte de uma grande estratégia é uma razão pela qual os líderes falham.

Não existe resultado se não houver um time por trás, trabalhando por isso. Dessa forma, os liderados não são apenas peças de uma estratégia, são essenciais para que o todo funcione. Cada membro da equipe é uma pessoa com emoções, ambições próprias, medos e vontades. É preciso sempre se lembrar de humanizar os processos, afinal, são seres humanos trabalhando.

6) Ser permissivo demais quanto a cultura da empresa

Assim como Simon Sinek afirma ao apresentar o Golden Circle, existe um modelo poderoso para exercer uma liderança inspiradora. Trata-se de focar no porquê, no propósito pelo qual você trabalha.

Ao contratar membros para a sua equipe, é essencial que os valores dos profissionais estejam alinhados com os valores da empresa. A diversidade, como já mencionamos, é um ponto muito positivo, mas o que faz com que pessoas tão diferentes trabalhem bem juntas é garantir que elas tenham o mesmo objetivo final.

O alinhamento sobre a cultura da empresa deve acontecer entre todos os membros de uma empresa. Por isso, é importante que o líder inspire e comunique esses valores, garantindo que os profissionais estejam todos no mesmo barco.

7) Hesitar na tomada de decisões

Quem está na posição mais alta da hierarquia também possui decisões maiores sob sua responsabilidade. Por isso, um bom líder deve estar sempre atualizado sobre o funcionamento da empresa, os processos e o mercado em que está inserido. Essa é uma forma de se preparar para futuras decisões que terá que tomar.

O mercado está mudando cada vez mais rápido. Hesitar na hora de tomar decisões importantes pode prejudicar a entrega de uma equipe e os resultados da empresa. A indecisão de um líder gera incerteza na equipe. O ideal é sempre buscar o equilíbrio entre a firmeza e a moderação.

Sabendo das principais razões pelas quais os líderes falham, é importante trabalhar para evitar que eles aconteçam. Um bom líder deve estar sempre se atualizando sobre o exercício da liderança. Isso pode ser feito através de filmes e livros também, mas nada substitui a vivência na prática. Essas formas de aprendizado são complementares.

Se você exerce um cargo de liderança e quer saber como se tornar um líder ainda melhor, conheça o GBC em Liderança e Gestão de Pessoas da Conquer.

O nosso GBC é para quem quer:

  • Aprender a liderar diferentes gerações e perfis de profissionais
  • Ser um líder exponencial e preparado para as novas dinâmicas do mercado
  • Criar uma cultura empresarial que motive e retenha profissionais
  • Aprender as melhores práticas de desenvolvimento de pessoas e feedback
  • Saber delegar tarefas para pensar de forma estratégica
  • Desenvolver times de alto desempenho
  • Contratar e demitir pessoas da forma correta
  • Garantir o andamento e conclusão dos projetos da área com o time

As inscrições já estão abertas!

Clique aqui para saber mais sobre o GBC em Liderança e Gestão de Pessoas.