BLOG

Como promover criatividade e ideias inovadoras em sua equipe


02 de Agosto de 2017 . Publicado por Conquer
Texto escrito originalmente por Pascal Finette, Vice Presidente da Singularity, a universidade do futuro.
Traduzido e adaptado por Escola Conquer, com autorização do autor.

Esses dias eu tive a grande sorte de participar de uma das oficinas internas do Google Design Thinking, onde nos lembraram do incrível poder de dizer às pessoas “sim, e …” ao invés de “não, mas …”.

Deixa eu te explicar: criaturas altamente treinadas e inteligentes que somos, muitas vezes, instintivamente, falamos quando nos apresentam uma ideia “deixa eu te mostrar as falhas em sua ideia”. O que, tristemente, acontece é que fechamos as ideias ao invés de construí-las e torná-las maiores, mais ousadas e melhores. Nós dizemos “Não, mas veja esse ponto…” – o que pode te fazer bem no momento (como demonstra a nossa capacidade intelectual) mas pouco ajuda na construção da ideia.

Em vez disso, treine para usar “Sim, e …” como sua resposta instintiva. Essa simples mudança reconhece a ideia sugerida e se desenvolve nela possibilitando e promovendo um ambiente cheio de criatividade.

Experimente você mesmo: pegue alguém com uma ideia ou sugestão e diga, por exemplo, me diga sua ideia para começarmos agora. Responda com “Não, mas …”. Deixe a outra pessoa apresentar outro plano e repita a refutação “Não, mas …”. Repita isso mais algumas vezes e veja o quão frustrante o processo se torna.

Agora, altere a resposta e fale “sim, e podemos fazer dessa forma…” para a mesma ideia – baseando-se na noção que você ouviu e deixou a outra pessoa reagir a ela, depois de responder novamente com “sim e …” você sentirá rapidamente o quão empoderador, criativo e poderoso é esse processo é.

“Sim, e …” é uma das ferramentas mais poderosas em seu vocabulário para promover criatividade e ideias inovadoras em sua equipe e ambiente.

The Heretic é um canal de artigos com a opinião de Pascal Finette, VP da Singularity, Universidade do Futuro.

*Tradução livre e adaptada com autorização do autor, Pascal Finette.


Conquer

DEIXE UM COMENTÁRIO


NOME*

E-MAIL*

MENSAGEM*