BLOG

Conheça a Matriz da Marca Pessoal

Em Posts

07 de Abril de 2017 . Publicado por Conquer

Falamos neste post sobre a importância da visibilidade e da reputação para a construção da nossa Marca Pessoal e da importância de cultivarmos uma Marca Pessoal forte se quisermos ter um bom networking que possa abrir portas e alavancar nossa carreira.

Jeff Buzos, fundador da Amazon.com, define marca pessoal como “o que as pessoas dizem sobre você quando você não está na sala”.

Já os autores David McNally e Karl Speak falam de “uma percepção ou emoção que as outras pessoas têm e que descreve a experiência total de se ter um relacionamento com você”.

Ambas as definições têm um ponto em comum: nossa marca pessoal não é simplesmente criada por nós mesmos: ela é validada pela percepção que os outros possuem de nós.

E o que podemos fazer com essa informação?

Melhorar nossa Marca Pessoal. Como?

Primeiramente, é preciso analisar. A análise da nossa Marca Pessoal pode ser feita através de uma ferramenta simples: a Matriz da Marca Pessoal.

De forma visual, a matriz cruza dois aspectos essenciais da nossa marca – nossa visibilidade e nossa reputação. Utilizando ela, fica mais fácil compreendermos o que exatamente devemos trabalhar para fortalecer nossa marca.

Eis a Matriz da Marca Pesoal:

Vamos agora à análise de cada um desses quadrantes para identificarmos que ações podem ser feitas para melhorarmos nossa Marca:

Quadrante 01: Boa Reputação x Alta Visibilidade

Profissionais de sucesso estão comumente localizados no quadrante 01: possuem ótimas reputações – tanto por seus resultados quanto pelo seu comportamento – e têm alta visibilidade, ou seja, são conhecidos por uma grande quantidade de pessoas.

Pense em alguém que é reconhecidamente um ótimo profissional. Alguns nomes devem ter vindo rapidamente à sua mente. São esses profissionais que se encontram nesse quadrante, pois a alta visibilidade garantiu que eles fossem lembrados rapidamente, e suas boas reputações os fizeram ser identificados como experts.

Isso resulta em uma fortíssima Marca pessoal – se você é conhecido pelo seu trabalho e as pessoas confiam em você, oportunidades de crescimento de carreira não faltarão. É este posicionamento que você deve buscar se deseja ser grande em sua área de atuação.

O que fazer?

Continue fazendo um bom trabalho e mantenha-se atualizando. Seus resultados já falam – e continuarão falando – por você.

Quadrante 02: Má Reputação x Alta Visibilidade

No outro extremo encontra-se o quadrante 02, que deve ser evitado ao máximo. Ser conhecido por muita gente pode ser excelente, mas apenas se sua reputação for positiva. Caso contrário, os resultados são extremamente prejudiciais. Ao invés de se abrirem portas, grandes oportunidades podem ser perdidas simplesmente pelo que as pessoas sabem e comentam sobre você, sem que você ao menos tenha a chance de se apresentar e eventualmente provar que é bom.

Uma reputação manchada é difícil de ser recuperada. Você provavelmente já conheceu alguém que as pessoas dificilmente indicariam para uma vaga de emprego. É deste profissional que estamos falando.

O que fazer?

Empresas contam com um departamento de Relações Públicas responsável exclusivamente pela manutenção da sua reputação perante a sociedade. No caso da Marca Pessoal, seu Relações Públicas é você mesmo.

Há uma frase de Orlando A. Battista que diz: Um erro não se torna uma falha até que você se recuse a corrigi-lo.

E quando falamos de correção, tempo é tudo. Quanto antes um erro for corrigido, esclarecido ou compensado, menor serão os impactos causados e mais fácil será a recuperação.

De modo geral, evite ao máximo deixar com que sua marca pessoal chegue neste ponto. Trabalhe duro e com integridade, busque feedbacks constantes de pessoas próximas sobre seus resultados e comportamentos e ajuste-os conforme necessário.

Entretanto, caso já esteja aqui, você terá que se esforçar em dobro para conseguir se provar. Tenha paciência e seja consistente. O trabalho será grande, mas nem tudo está perdido.

Quadrante 03: Boa Reputação x Baixa Visibilidade

Vamos ao quadrante 03. Seu trabalho é bom e as pessoas confiam em você, mas ainda poucas pessoas sabem quem você é. Este é o quadrante mais comum de se estar. A maioria dos profissionais faz um trabalho relativamente bom, mas não “sabe se vender bem”.

O que fazer?

Se este também for o seu caso, o negócio aqui é investir em marketing pessoal.

Você possui um perfil completo e detalhado no LinkedIn? Participa de eventos na sua área de atuação? Conhece pessoas de diversas áreas e empresas, e elas sabem exatamente o que você faz e onde deseja chegar? Você produz algum tipo de conteúdo que demonstra seu conhecimento em sua área? Procura se manter atualizado com cursos, workshops, treinamentos e outras formas de desenvolvimento?

Trabalhar estes aspectos ajudará sua marca pessoal a ser mais conhecida pelo mercado.

Quadrante 04: Má Reputação x Baixa Visibilidade

Finalmente, o quadrante 04. Uma má reputação aqui não é tão danosa quanto a do quadrante 02 – e é muito mais fácil de ser recuperada. Pode ser que você tenha cometido algum deslize em um momento de sua carreira que te custou certa confiabilidade, mas se sua visibilidade ainda é baixa, ainda há tempo para que isso seja corrigido.

O que fazer?

O ideal aqui é que você desempenhe seu trabalho com qualidade, cumprindo com seus compromissos e vá, aos poucos, conquistando a confiança das pessoas e do mercado novamente. Com sua reputação recuperada, aí sim invista no seu marketing pessoal e busque ser conhecido por mais pessoas na sua área.

Dizem que existem dois grandes motivos pelos quais falhamos profissionalmente: ou porque não sabemos o que deve ser feito, ou porque sabemos, mas não fazemos.

Em relação à Marca Pessoal, reputação e visibilidade, agora você sabe.

Cabe a você decidir trabalhar esses aspectos em busca do quadrante 01, alavancando sua carreira e – por que não – tornando-se o próximo expert da sua área de atuação.

 

.

Sobre a Escola Conquer: Desenvolvida no Vale do Silício, a Conquer ensina habilidades que as instituições tradicionais não ensinam, mas que são fundamentais para todos que querem performar em alto nível e chegar mais longe. www.EscolaConquer.com.br


Conquer

DEIXE UM COMENTÁRIO


NOME*

E-MAIL*

MENSAGEM*